Follow by Email

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

As vezes sou assim

São tantas as vezes que me deparo comigo mesma sentada em meu sofá, com meu velho caderno nas mãos e uma caneta quase sem tinta pairando sobre as linhas,tentando como numa busca desenfreada encontrar as palavras exatas pra descrever e desatar o nó na garganta que as vezes insistentemente vem me visitar...
E tento...em vão fazer-me entender...
Mais dai muda tudo...cabeça não pensa...coração deixa de sentir e a alma...ahhhh...a alma pousa no chão...
Como se todos os sentimentos dançassem...formando um circulo...e girassem ate q se misturassem e desaparecessem...
Ficando só um branco..um nada...Invisível aos olhos do pensar...
E por mais que eu tente e me reinvente....não funciona...não flui...não sai...
Fica só um ÃO....no vão do coração estridente...gigante...apaixonante!!!

As vezes sinto-me assim...vendaval a se formar
Noutras arco-iris a se projetar!!!






Selma Cristina Belgini!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário